Acompanhar pedido

São Paulo - SP (11) 5835-2036
Plantão WhatsApp (11) 96898-9493 (TIM)
Ligue Grátis: 0800 932 0000 R. 9493


institutommb@gmail.com


Indicações e Benefícios da Sucupira

Árvore rústica nativa no Brasil, mais comum nas regiões intermediárias da Mata Atlântica e Cerrado, por exemplo, Belo Horizonte. Madeira nobre e famosa que continua sendo procurada e normalmente apresenta sua floração roxa/azulada nos meses de agosto e setembro.

Suplemento Natural: Sementes, casca e raiz (batata).

Suplemento popularmente conhecido e conceituado. Consumir dentro das especificações, pois mesmo sendo natural pode proporcionar intoxicações.

Atenção:
No livro "A Saúde Brota da Natureza" do Prof. Jaime Brüning, encontramos uma citação afirmando que a sucupira "deve ser evitada pelos portadores de hipertensão arterial".
Assim, alertamos aos consumidores hipertensos interessados na sucupira, para que iniciem com dosagens mínimas, fazendo uma minuciosa auto avaliação, aumento o consumo de forma gradativa até chegar a dosagem divulgada. No entanto, nossa experiência com muitos anos de comercialização deste produto, mostrou que são raríssimos os consumidores que perceberam alterações comprometedoras, fazendo uso da sucupira, seguindo a nossa orientação.
Para maior segurança evite automedicação, mesmo com suplementos naturais, consultando sempre um médico de sua confiança.

Abraços
Cleide Nazareth
IMMBSP





Opções de pagamento PagSeguro
Cartões
Cartões de crédito
Boleto
Boleto
Débito online
Débito online

Central de atendimento

São Paulo - SP (11) 5835-2036
Plantão - SP (11) 96898-9493 (TIM)
Ligue Grátis: 0800 932 0000 R. 9493


institutommb@gmail.com


IMMBSP - Cleide Nazareth
CNPJ 015.871.785/0001-45

Estes sites serão descontinuados
a partir de Janeiro de 2017:
www.immbsp.com.br e
www.amoramiuraonline.com.br






Imagens ilustrativas. Preços válidos somente para compras na internet e por telefone. Em caso de divergência, o preço válido é o do Carrinho de Compras.

Todos os direitos reservados a IMMBSP - Desenvolvido por: ismaelMatias